Desempenho da segurança viária na modelagem integrada do uso do solo e transporte-estudo de caso: Projeto Fortaleza 2040

Flávio José Craveiro Cunto, Francelino Franco Leite de Matos Sousa

Resumo


Por conta de sua importância, observa-se que nos últimos anos há cada vez mais estudos considerando a segurança viária como um componente necessário ao processo de planejamento de transportes. Esse trabalho propõe e aplica um método de estimação do Desempenho da Segurança Viária (DSV) na etapa de avaliação de alternativas do processo de planejamento integrado. O método proposto se baseia na estimação do risco de acidentes por cenário de análise, que incorpore a abrangência e a capacidade de redução de acidentes de cada intervenção. No Projeto Fortaleza 2040, esse método foi aplicado com o auxílio da plataforma de modelagem integrada Tranus. Os resultados indicam uma redução de 22% e de 20% no número de acidentes com vítimas feridas e fatais, respectivamente. Verificou-se também um acréscimo no número de acidentes envolvendo pedestres, por causa do aumento dos deslocamentos a pé.


Palavras-chave


Planejamento Integrado; Desempenho da Segurança Viária; Modelagem Integrada.

Texto completo:

PDF

Referências


Acheampong, R. A. e Silva, E. (2015) Land use – transport interaction modeling: A review of the literature and future re-search directions. Journal of Transport and Land Use, v. 8, n.3, p. 11-38. DOI: 10.5198/jtlu.2015.806

AECOM (2013) A New Mobility Transportation Master Plan for London 2030 Transportation Master Plan: SmartMoves. AECOM. London, Canadá.

Aguero-Valverde, J., e Jovanis, P. P. (2006) Spatial analysis of fatal and injury crashes in Pennsylvania. Accident Analysis and Prevention, v. 38, n. 3, p. 618–625. DOI:10.1016/j.aap.2005.12.006

Banister, D. (2008) The sustainable mobility paradigm. Transport Policy, v. 15, n. 2, p. 73-80. DOI:10.1016/ j.tranpol.2007.10.005

Barra, T. de la. (1989) Integrated land use and transport modelling: Decision chains and hierarchies. Cambridge University Press, New York.

Barra, T. de la. (2010) TRANUS: Sistema Integrado de Simulação da Localização das Atividades, Usos do Solo e Transportes. Modelistica. Caracas, Venezuela.

Barra, T. de la. (2012) Formulación matemática de TRANUS. Modelistica. Caracas, Venezuela.

Bertolini, L., le Clercq, F., e Kapoen, L. (2005) Sustainable accessibility: A conceptual framework to integrate transport and land use plan-making. Two test-applications in the Netherlands and a reflection on the way forward. Transport Policy, v. 12, n. 3, p. 207–220. DOI:10.1016/j.tranpol.2005.01.006

Curtis, C. (2008) Planning for sustainable accessibility: The implementation challenge. Transport Policy, v. 15, n. 2, p. 104–112. DOI:10.1016/j.tranpol.2007.10.003

Elvik, R., Høye, A., Vaa, T., e Sørensen, M. (2015) O manual de medidas de segurança viária. Fundación Mapfre. Madri, Espanha.

FHWA (2017) Crash Modification Factors Clearinghouse. Chapel Hill, EUA. Disponível em: http://www.cmfclearinghouse.org/index.cfm. Acesso em: 29 de dez. 2018.

Governo de Santa Catarina. (2015) Produto 19: Relatório Final - Consolidação das Propostas e Plano de Implementação. Volume IV – Participação Social e Capacitação. Florianópolis, Brasil.

Guilhoto, J. J. M. (2011) Análise de Insumo-Produto: Teoria e Fundamentos. São Paulo, Brasil. Disponível em: https://mpra.ub.uni-muenchen.de/32566/2/MPRA_paper_32566.pdf. Acesso em 20 de dez de 2018.

Hadayeghi, A., Shalaby, A. S., e Persaud, B. N. (2010) Development of planning level transportation safety tools using Geo-graphically Weighted Poisson Regression. Accident Analysis and Prevention, v. 42, n. 2, p. 676–688. DOI:10.1016/j.aap.2009.10.016

Hansen, W. G. (1959) How Accessibility Shapes Land Use. Journal of the American Institute of Planners, v. 25, n. 2, p. 73–76. DOI:10.1080/01944365908978307

Hauer, E. (2007) Observational Before-After Studies in Road Safety, Bingley. Emerald, Reino Unido.

Hauer, E. (2015) The Art of Regression Modeling in Road Safety. Springer International Publishing, Suíça. DOI:10.1007/978-3-319-12529-9

Hensher, D. A., Rose, J. M., e Greene, W. H. (2005) Applied Choice Analysis. Cambridge University Press, New York, USA.

Hull, A. (2005) Integrated transport planning in the UK: From concept to reality. Journal of Transport Geography, v. 13, n. 4, p. 318–328. DOI:10.1016/j.jtrangeo.2004.12.002

Mannering, F. L., e Bhat, C. R. (2014) Analytic methods in accident research: Methodological frontier and future directions. Analytic Methods in Accident Research, v. 1, p. 1–22. DOI:10.1016/j.amar.2013.09.001

New York City. (2016) Strategic Plan 2016. Department of Transportation. New York, EUA.

Prefeitura de São Paulo (2015) PlanMob SP 2015. Secretaria Municipal de Transportes. São Paulo, Brasil.

Prefeitura do Rio de Janeiro (2015) PMUS - Plano de Mobilidade Urbana Sustentável. Logit Oficina. Rio de Janeiro, Brasil. v. 2.

Prefeitura Municipal de Fortaleza. (2016) Plano Fortaleza 2040: cidade conectada, acessível e justa. Instituto de Planejamento de Fortaleza. Fortaleza, Brasil.

Sousa, F. F. L. M. (2016) Metodologia de calibração para modelos integrados dos transportes e uso do solo. Dissertação (Mestra-do) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza.

Sousa, F. F. L. M., Loureiro, C. F. G., e Lopes, A. S. (2017) Representação do Fenômeno Urbano por meio de Modelos Integrados dos Transportes e Uso do Solo: Revisão da Literatura e Discussão Conceitual. Transportes, n. 25, v. 4, p. 96-108. DOI: 10.14295/transportes.v25i4.1319

Straatemeier, T., e Bertolini, L. (2009) Joint Accessibility Design: Framework Developed with Practitioners to Integrate Land Use and Transport Planning in the Netherlands. Transportation Research Record: Journal of the Transportation Research Board, v. 2077, n. 1, p. 1-8. DOI:10.3141/2077-01

Torres, C. A., e Cunto, F. J. C. (2016) Evaluation of safety performance in urban networks: a case study of Fortaleza city/Brazil, In: 17th International Conference Road Safety On Five Continents (RS5C), 2016, Rio de Janeiro, Brasil. p. 1–12.

Wier, M., Weintraub, J., Humphreys, E. H., Seto, E., e Bhatia, R. (2009) An area-level model of vehicle-pedestrian injury colli-sions with implications for land use and transportation planning. Accident Analysis and Prevention, v. 41, n. 1, p. 137–145. DOI:10.1016/j.aap.2008.10.001




DOI: https://doi.org/10.14295/transportes.v26i4.1606

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2018 Flávio José Craveiro Cunto, Francelino Franco Leite de Matos Sousa

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

TRANSPORTES (ISSN: 2237-1346) é uma publicação da ANPET - Associação Nacional de Pesquisa e Ensino em Transportes (www.anpet.org.br)

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.