Um modelo integrado para a programação de voos e alocação de frotas

Daniel Jorge Caetano, Nicolau D. F. Gualda

Resumo


Este artigo apresenta um modelo para a definição (otimização) da malha a ser atendida por uma empresa aérea, resolvendo, de forma integrada, os problemas de programação de voos e alocação de frotas. O modelo inclui restrições operacionais específicas como a existência de slots de pouso e decolagem e a limitada flexibilidade de opções de aeroportos oriunda de um tráfego composto primariamente por passageiros. O modelo foi testado e aplicado com sucesso a um caso de uma empresa aérea regional brasileira, resultando em uma programação de voos completa e provendo informações de suporte à decisão sobre a possibilidade de novos voos ou o uso de outros tipos de aeronave.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/transportes.v19i2.209

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2011 Daniel Jorge Caetano, Nicolau D. F. Gualda

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

TRANSPORTES (ISSN: 2237-1346) é uma publicação da ANPET - Associação Nacional de Pesquisa e Ensino em Transportes (www.anpet.org.br)