Estabilização de solos siltosos expansivos de São Paulo com ligantes com elevado teor de escória para pavimentação

Autores

  • Juliana Kawahashi Universidade de São Paulo
  • Ronaldo Bitello Tomei Junior Universidade de São Paulo, São Paulo
  • Evelyn Kaori Tatsuta Universidade de São Paulo
  • José Tadeu Balbo Universidade de São Paulo
  • Dirce Carregã Balzan Prefeitura do Município de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.14295/transportes.v18i2.418

Resumo

Resumo: Ocorrências de solos residuais siltosos de rochas de micaxisto e gnaisse em vastas áreas da região de São Paulo representam uma grande dificuldade para a pavimentação de vias em periferias. Tais solos apresentam expansão elevada quando saturados e baixa capacidade de suporte, sendo que sua estabilização é tradicionalmente realizada com emprego de agregados quando não são simplesmente descartados. Isso impõe custos elevados de pavimentação nessas zonas. Neste artigo são apresentadas recentes experiências com a modificação desses solos com cimentos de alto forno, buscando-se controlar sua expansão e com ganhos de capacidade portante. Foram obtidos resultados positivos no controle de expansão com baixos consumos de ligante hidráulico, porém sem melhorias significativas quanto ao módulo de resiliência das misturas. Misturas solo-brita-cimento requereram maior consumo ligante com aumento do módulo de resiliência, com restrições para a resistência à tração do material. Os resultados apontam a viabilidade das misturas estudadas para reforços de subleitos e sub-bases.

Abstract: Residual silt finely granulated soils from micaschists and gneisses in Sao Paulo represent huge limitations for urban paving in suburban areas. Those soils have high expansion as well as low bearing capacity; its stabilization, whenever possible, is done by means of soil-aggregate mixtures or they are replaced by alternative soils at high excavation and transportation costs. This paper analyses results of soil-cement stabilization for such soils using blast furnace cements aiming at the control of its expansion and improvements on its strength. Nevertheless good results were achieved for controlling expansion with low cement content, resilient modulus did not increase. Soil-aggregate-cement mixtures achieved good improvement on its resilient modulus although the tensile strength of the material was still low, making it not prudent, under a mechanistic stand point, to use it as pavement bases. Results point out the suitability of the blast furnace cement stabilized soils as subgrade and sub-bases layers.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-07-02

Como Citar

Kawahashi, J., Tomei Junior, R. B., Tatsuta, E. K., Balbo, J. T., & Balzan, D. C. (2010). Estabilização de solos siltosos expansivos de São Paulo com ligantes com elevado teor de escória para pavimentação. TRANSPORTES, 18(2). https://doi.org/10.14295/transportes.v18i2.418

Edição

Seção

Artigos